Visto K-3 e K-4 - cônjuge e filhos de um cidadão americano - uma categoria não-imigrante
Search articles:

Visto K-3 e K-4 - cônjuge e filhos de um cidadão americano - uma categoria não-imigrante

UVisto K-3 e Visto K-4ma categoria dentro das leis de imigração que permite ao esposo (a) e filhos de um cidadão americano ser admitido nos Estados Unidos em uma categoria não-imigrante. A admissão permite ao esposo (a) e filhos completar o processamento para residência permanente nos Estados Unidos, e ter permissão de trabalho enquanto os seus casos para o status de residente permanente estiverem pendentes.

Em 14 de agosto de 2001 o USCIS emitiu regulamentos implementando as categorias dos vistos K-3 e K-4 temporários que estavam contidos nas Emendas LIFE que foram aprovados em 21 de Dezembro de 2000. A única pessoa qualificada para o visto K-3 são os cônjuges de cidadãos americanos. As únicas pessoas qualificadas para o K-4 são os filhos de cidadãos americanos, não-casados, abaixo da idade dos 21 anos.

À primeira vista, as exigências para esses dois tipos de visto parecem ser muito semelhantes, mas o processo para se obter os vistos K-3 e K-4 é muito mais complexo e complicado que simplesmente obter-se um visto de noivo(o) (K-1).

Para se qualificar ao visto K-3 e K4 não-imigrante o candidato ao visto deve provar:

  1. Que o seu casamento com um cidadão(a) americano(a) é válido, e
  2. Ele(a) é o beneficiário de uma petição (I-130) já submetida ao Serviço de Imigração dos Estados Unidos (USCIS) como cônjuge de um cidadão(a) americano(a), mas cuja petição ainda não tenha sido aprovada pelo USCIS, e:
  3. Ele(a) é também o(a) beneficiário(a) de uma petição especial submetida e aprovada pelo USCIS nos Esatados Unidos, e
  4. Ele(a) deseja entrar aos Estados Unidos para aguardar a aprovação de uma petição I-130 pelo USCIS ou a disponibilidade a um visto de imigrante.

Todas as quatro qualificações devem existir antes do processo no exterior de que uma solicitação ao visto K possa se iniciar.

Se uma petição I-130 para o cônjuge já esteja no posto no exterior, então um visto imigrante será processado ao invés de um visto K não-imigrante. Se um visto de imigrante baseado em petição I-130 para o cônjuge já tenha sido negada, então nem o cônjuge, nem os filhos do cônjuge podem se qualificar a um visto K-3 ou K-4.

A lei com relação à emissão dos vistos K-3 e K-4 é muito específica quanto àonde o visto deve emitido. Pode-se apenas conseguir o visto K-3 ou K-4 no país onde o casamento se realizou.

Existem, no entanto, duas exceções à regra geral:

  • Se o casamento ocorre nos Estados Unidos, o candidato pode solicitar por um visto K-3/K-4 no seu país de origem desde que seja impossível se obter um visto dentro dos Estados Unidos; e
  • Se o casal estiver casado em um país onde não existe Embaixada dos Estados Unidos, os vistos K-3 e K-4 podem ser emitidos junto a um posto consular pelo Departamento do Estado dos Estados Unidos.


O processo para obtenção dos vistos K3 ou K4


  • Uma vez que o casamento se realiza, uma petição I-130 de visto imigrante deve ser submetida pelo cônjuge cidadão;
  • Uma vez que o cônjuge recebe um recibo de petição I-130, ele(a) deve submeter o formulário I-129F de petição de visto não-imigrante junto ao Serviço de Imigração e Naturalização dos Estados Unidos: PO Box 7218, Chicago, Illinois 60680-7218, e 
  • Mediante aprovação do formulário I-129F, o cônjuge e filhos podem solicitar pelo visto K-3 e K-4 respectivamante, junto a um posto consular no país onde o casamento tenha se realizado.

Lembre-se que existem duas agências envolvidas no processo dos vistos K-3 e K-4: o USCIS e o Departamento do Estado. Os formulários do USCIS, incluindo a petição I-130 de visto imigrante, o formulário de Informação Bibliográfica, a petição I-129Fde visto não-imigrante e o exame médico I-693 estão todos disponíveis em:

Enquanto presente nos Estados Unidos com o status do green card pendente, um portador do visto K-3 poderia viajar e trabalhar? Em caso positivo, seriam necessários documentos extras?

Os status K-3 e K-4 , não como o status de noivo(a) que dura por apenas noventa (90) dias é válido por dois (2) anos e sob algumas condições pode ser renovado. Embora possa-se viajar livremente com o visto K-3/K-4, o USCIS exige que os portadores dos vistos K-3/K-4 (como os portadores dos vistos K-1/K-2) solicitem o EAD (Autorização para Documento para Trabalho) usando o formulário I-765.

As leis de imigração dos Estados Unidos prevêm que se um casamento é reconhecido como válido no país onde se realizou, é geralmente considerado válido para os fins de imigração do cônjuge e filhos aos Estados Unidos.

Ambos pacotes de vistos exigem que o USCIS aprove o formulário I-129F de petição para visto não-imigrante e que o Departamento do Estado emita o apropriado visto. Entretanto, apenas nos casos de vistos K-3/K-4 os casamentos devem acontecer, uma petição de visto I-130 seja submetida e o posto de emissãode visto seja limitado ao país onde o casamento tenha se realizado. Isso pareceria fazer o processo de visto K-3/K-4 mais sobreposto que o processo de emissão de vistos K-1/K-2. Não existe garantia de que as petições conjugais serão aprovadas mais prontamente que as petições de noivos. Entretanto, se o cônjuge e sua família viajam ao exterior, participam de cerimônia religiosa de casamento e as partes tornem-se legalmente casadas, isso adiciona peso à petição e praticamente não são negadas.



About us

601 waiver Lawyer Moses Apsan

Consultations

Use our automated
Click-to-call to contact
Apsan Law Offices, LLC. or
call directly at
1-888-460-4600

601 Waiver Lawyer

nj immigration lawyers

Schedule Consultation 601 waiver

601 News

601 WAIVER LAWYERS

Happy Clients
Preview
601A waiver success story
Um caso bem sucedido de um perdon I-601A - Advogado de Imigração Dr. Moisés Apsan -
Moises Apsan-éxito con dispensa I-601 I-601A Waiver Approved
dispensa 601A, I-601A, I-601, Moises Apsan, Moses Apsan
I-601A waivers/ Programa de dispensa provisória I-601A
Outro cliente satisfeito _Another Happy I-601A client
Happy client returning from the interview at the U.S. Consulate - I- 601A waiver
Happy client returning from an immigration interview at the U.S. consulate in Brazil
Another happy client returning from abroad after approval of an I-601A waiver
Very happy 601A client
Same Sex Fiancee Visa
Deportation Reopened and gets Green Card
601A Waiver Approved
601 Waiver with a Twist